Pesquisa

Calendário
Recreativo
Desportivo
Cultural
Férias e Viagens
Vida Associativa
Parceiros
8
6
5
 

Página Inicial > Recreativo >

imprimir
Primavera – Verão – A Renovação da Saúde Integral Consciente
Conheça tudo o que está ao seu alcance para se reequilibrar e ter saúde

Viver a mudança das estações pode parecer simples e despreocupante, mas é mais complexo e desafiante do que imaginamos. A maior parte de nós – sobretudo na altura da Primavera e do Outono – sofre alterações fisiológicas, como alergias do tracto respiratório, irritações cutâneas, hipersensibilidades, entre outras sintomatologias.

Também é verdade que nesta transição somos mais expostos às irregularidades constantes das temperaturas, e toda a vulnerabilidade que daí advém para a nossa saúdem sobretudo para desequilibrar os nossos doshas Vata, Pitta e Kapha – a tríade que, segundo a Medicina Ayurveda, os define como os princípios biológicos do corpo que caracterizam a nossa essência há mais de 5000 anos.

A Primavera chega com a luz e o calor, que vêm derreter o muco e as toxinas que acumulamos durante o Inverno e começam a espalhar-se pelo corpo, bloqueando os canais microcirculatórios responsáveis por transportar os nutrientes para as células e os resíduos para fora delas. Este bloqueio provoca-nos cansaço, lentidão, inércia física, mental e espiritual, tornando o nosso raciocínio mais lento, pesado, pouco reactivo e muito propenso a outros desequilíbrios. Por isso, é o momento exacto para fazer uma desintoxicação e recuperar energia e vitalidade.

Todos sabemos que a alimentação é uma variável importantíssima para a saúde, mas a Medicina Ayurvédica, no seu sábio conceito milenar indiano, desde sempre defende uma saúde integral consciente, numa equação equilibrada e multidimensional, onde o todo é mais valioso que a soma das partes. Por isso, considera também as técnicas de massagem, nutrição, aromaterapia e fitoterapia como método de prevenção, diagnóstico e tratamento. No entanto, há dicas e conselhos que podem ser gerais para todos:

Alimentação de Primavera
♦Opte por alimentos quentes, leves e cozidos.
♦Evite alimentos enlatados, congelados, processados e bebidas frias. São de difícil digestão e contribuem para a acumulação de toxinas.
♦Não misture na refeição fruta crua. Esta tem um timing de digestão completamente diferente do dos restantes alimentos; e ao fazermos esta mistura, irá haver fermentação e formação de toxinas.
♦Escolha pratos vegetarianos, evitando carne, peixe, lacticínios e ovos, por serem de difícil digestão.
♦Frutos leves, legumes e grãos integrais – ameixa, figo, maçã, pêra, abacaxi e papaia. Legumes de folhas verdes, couve-de-bruxelas, repolho, bróculos e couve-flor.
♦Consuma pães frescos, sem fermento.
♦Use especiarias desintoxicantes, como curcuma, cominhos, coentros, funcho, pimenta e gengibre fresco.
♦Coma apenas quando tiver fome. Já em edições anteriores referi a importância de o nosso Agni (fogo digestivo) estar equilibrado, para termos capacidade de digerir e não acumular toxinas que depois produzem doença. Força, saúde, longevidade e vitalidade dependem do Agni!
♦Encha o estômago a 3/4. Ele irá agradecer-lhe deixar 1/4 de espaço livre para poder digerir melhor os alimentos.
♦Três refeições por dia são, para a maioria de nós, suficientes.
♦A preocupação com o que comemos tem um carácter preventivo e terapêutico, ajudando o nosso corpo a evitar e a melhorar doenças como diabetes, hipertensão e obesidade.

Rotina Diária de Primavera
♦Desperte cedo e faça a sua higiene pessoal: lave os dentes, raspe a língua, limpe o nariz com água e sal.
♦Pratique exercício físico. O Yoga e a meditação com técnicas de respiração (pranayamas) ajudam a oxigenar o sangue e a libertar toxinas. Além disso, as posturas do Yoga ajudam muito no funcionamento dos rins e do fígado – os principais órgãos de limpeza do nosso organismo.
♦Durma cerca de 8h/noite.
♦Faça uma automassagem diária, com um óleo adequado ao seu biótipo, para libertar impurezas. A massagem ayuvédica terapêutica é um dos maiores legados da nossa ancestralidade para curar várias patologias e proporcionar saúde e bem-estar. Tome um banho quente a seguir, para estimular o fluxo das toxinas no sistema digestivo.

Além destes conselhos, vale a pena também referir a conexão entre a nutrição e as emoções, que desempenham um papel crucial. Da mesma maneira que a dieta afeta os doshas, as emoções podem aumentar ou diminuir certas características no nosso organismo, resultando em desequilíbrios e impactos significativos na saúde.

Este é um paradigma complexo, que envolve também as qualidades dos seis sabores dos alimentos (doce, ácido, salgado, picante, amargo e adstringente), a sua dominância em cada alimento, as suas interacções e implicações na nossa constituição, na nutrição e no nosso equilíbrio.

E last but not least, é fundamental termos consciência de que cada um de nós tem uma constituição muito própria e que a desintoxicação não é igual nem transversal para todos. Este processo assenta seguramente num plano individual terapêutico, desenhado e orientado por um especialista em Medicina Ayurvédica para ser a antítese da proporcionalidade dos nossos desequilíbrios, elevando todo o conhecimento que podemos aplicar na nossa saúde, harmonia e no nosso bem-estar.

Por António Rosa
Técnico de Medicina Ayurveda

Um agradecimento especial pela disponibilidade e revisão do artigo à minha formadora Rosa Batista – Terapeuta de Medicina Ayurveda, reconhecida pela Amayur – Associação Portuguesa de Medicina Ayurveda e fundadora do Wonderveda – Centro de Bem-Estar.

Disclaimer/Rodapé:
Este artigo é meramente informativo e não pretende diagnosticar ou tratar qualquer tipo de sintomatologia ou patologia. Em caso de dúvida ou interesse num aconselhamento terapêutico individualizado, contacte o autor para um correto encaminhamento profissional.

Smoothie desintoxicante de Mirtilos de Primavera

Ingredientes
•150 g de mirtilos frescos
•30 g de groselhas frescas
•300 ml de água mineral ou bebida vegetal
•2 tâmaras
•Extrato de baunilha – 1/4 de colher de chá
Masala doce (mistura de especiarias) – ½ colher de chá
•6 gotas de limão

Ingredientes para a masala doce:
•Sementes de Funcho – 1 c. sopa
•Sementes de coentros – 1 c. sopa
•Pétalas de rosas secas – 1 c. sopa
•Canela – 1 c. chá
•Sementes de cardamomo – 1 c. chá

Preparação

1.Coloque as sementes numa frigideira, sem gordura, para abrir as especiarias. Assim que sentir o aroma das sementes retire do fogo.
2.Triture as sementes, junte a canela e as pétalas de rosa.
3.Guarde a mistura num recipiente de vidro e use durante 3 meses.
4.No liquidificador misture os ingredientes todos até obter uma textura suave e beba à temperatura ambiente.

Por António Rosa, 14-05-2024




Apresentação Sobre nós Politica de Privacidade Contactos