Pesquisa

Calendário
Recreativo
Desportivo
Cultural
Férias e Viagens
Vida Associativa
Parceiros
8
7
9
 

Página Inicial > Recreativo >

imprimir
À conversa com… Carlos Rocha Santos
“(...) pôr os nossos conhecimentos e qualidades ao serviço da comunidade(...)“

O facto de ser casado há 31 anos, ter 2 filhos e ser uma pessoa muito comprometida com o seu trabalho e a sua entidade profissional não o impede de desenvolver outros projectos no seio da comunidade em que vive.

Sendo filho de pais católicos, também eles muito comprometidos, não admira que lhe tenham sido incutidos alguns princípios que vieram a nortear toda a sua vida.

Para o Carlos, a vida faz sentido só se conseguirmos pôr os nossos conhecimentos e as nossas melhores qualidades ao serviço da comunidade.

Segundo o Carlos, temos de conseguir identificar aquilo em que podemos ajudar, e fazê-lo pelo bem comum.

Enquanto jovem integrou o Grupo de Jovens da Senhora do Monte, o MCJP – Movimento Cristão Juvenil de Pedroso e os coros que estiveram presentes na celebração feita pelo papa S. João Paulo II, no Porto, em Maio de 1982.

Fez teatro no âmbito do MCP e também já foi locutor na rádio. Apresentou diferentes eventos, como festivais de folclore ou noites de fados.

Actualmente é o coordenador da catequese infantil no Centro de Pastoral da Senhora do Monte e membro do Secretariado de Catequese da Paróquia de Pedroso.

É o responsável pela Visita Pascal na Senhora do Monte, e, apesar de tudo isto, ainda consegue ter tempo para elaborar guiões e organizar algumas celebrações litúrgicas na Capela da Senhora do Monte.

Participa regularmente nas campanhas de angariação de fundos e bens alimentares a favor da Liga Portuguesa Contra o Cancro e do Banco Alimentar.
Admirador de várias modalidades desportivas, é um observador atento e gosta de ver jogos, particularmente de andebol, râguebi, futebol, futsal; mas também atletismo, ou voleibol. É ainda um amante das caminhadas, actividade que procura desenvolver diariamente.

Mas… como os seus dias são iguais aos de todos nós e têm apenas 24 horas, não admira que não consiga desempenhar algumas funções na vertente desportiva, num dos clubes do seu coração: o Jaca Futebol Clube.

Nesse clube, cuja sede fica muito perto da sua casa e com que a família sempre teve uma grande relação, já desempenhou várias funções, desde ser director, presidente da direcção, treinador/formador de futebol de 7 e futsal, fundador da escolinha Os Pitufos, ensaiador, letrista e marchante nas Marchas de S. João, organizador de eventos diversos de cariz recreativo e cultural… já fez de tudo.

Por Rui Duque, 19-08-2023



Anexos:

Entrevista a Carlos Rocha Santos




Apresentação Sobre nós Politica de Privacidade Contactos