Revista Impressos Quero ser Sócio Área Pessoal Galeria Biblioteca Pesquisa Newsletter

Calendário
Recreativo
Desportivo
Cultural
Férias e Viagens
Vida Associativa
Parceiros
 

Página Inicial > Cultural >

imprimir
17.º Aniversário do Orfeão Portuscale
Na Igreja da Lapa

Durante o jantar o Sr. Presidente da União de Freguesias de Cedofeita, Sto Ildefonso, Sé, Miragaia, Nicolau e Vitória, do Porto, António Fonseca, ofereceu os livros da foto, de um investigador, escritor e cronista das culturas e tradições populares do Porto, Hélder Pacheco.

Foi desta forma que a Júlia Eusébio sentiu a homenagem ao Grupo Desportivo, ao Orfeão, aos que partiram e aos que ficaram.

Boa tarde, srs. diretores,
Orfeonistas e familiares.
Boa noite, sr. maestro,
E outras entidades.

Hoje é dia de festa,
Aqui estamos a celebrar,
O décimo sétimo aniversário,
Do Orfeão do GD BPI a cantar.

Depois de uns meses nas trevas,
Estamos de novo reunidos,
Que a pandemia nos dê tréguas,
Para continuarmos unidos.

Foram meses de incerteza,
Proibidos de cantar,
Mantivemos a chama acesa,
Com esperança de voltar.

Muita coisa aconteceu
Nestes meses de solidão,
Foram muitas as saudades
Do nosso querido Orfeão.

São muitas horas dedicadas,
A esta causa tão nobre,
A música e o canto são,
O alimento que nos mata a fome.

Muitas foram as pessoas,
Que por aqui já passaram,
Uns vêm, outros vão,
Mas as lembranças ficaram.

A Maria Ribeiro deixou-nos,
O marido partiu depois,
Para eles a nossa homenagem,
Descansem em paz os dois.

A nossa querida Noémia,
Viu partir o seu filho,
Para ele a paz eterna,
Para ela, que nada lhe tire o brilho.

Não, não sou moderadora,
E muito menos poetisa,
Brinco um pouco com as palavras,
Não passo de uma aprendiza.

O nosso Fernando Almeida,
Foi e sempre será,
O nosso querido poeta,
Para sempre connosco estará.

Por Júlia Eusébio, 5-11-2021




Apresentação Sobre nós Politica de Privacidade Contactos