Secretaria   Galeria   Biblioteca   Pesquisa   Contactos
 
ApresentaçãoSobre nósRevistaImpressosAdmissão de Sócio Newsletters

Recreativo
Calendário
Cultura
Desporto
Férias e Viagens
Parceiros
Vida Associativa
 

Página Inicial > Viagens em Grupo >

imprimir
Circuito Benelux
Sete dias de bom convívio entre todos

Após a recolha da bagagem, encontrámo-nos com a guia María Almudena, que falava um “portunhol” muito entendível e nos acompanharia durante toda a viagem até ao nosso regresso a Portugal.

Fomos até ao Atomium para iniciar a nossa visita a Bruxelas. Pelo centro histórico da capital belga andámos a pé, como é conveniente, e apreciámos a beleza da arquitectura, lojas, cafés, casas dos chocolates – que faziam cobiça –, até ao local típico da cidade onde se encontra a famosa estátua do Manneken-Pis.

No segundo dia fomos até à cidade medieval de Gent, onde visitámos o Castelo dos Condes da Flandres e o seu museu. A seguir foi Bruges, onde, após um passeio a pé, nos foi servido o almoço e tivemos a oportunidade de degustar da tão falada cerveja artesanal belga, e terminámos com um passeio fluvial pelos canais da cidade.

O terceiro dia foi destinado à viagem até Amesterdão, com paragem em Roterdão e em Haia, onde almoçámos. Pudemos apreciar no trajecto os canais naturais e artificiais tão característicos da paisagem holandesa. Em Roterdão encontrámos uma cidade moderna e tivemos o primeiro contacto com os ciclistas, que têm prioridade sobre tudo e sobre todos.

Após o almoço fomos visitar o centro histórico de Haia, a zona onde se encontra o centro político holandês e o parlamento, não sem antes termos visitado aquela que é um ex-líbris da Holanda, Modurodam. Regressámos a Amesterdão, onde jantámos, sofremos com o jogo entre Portugal e o Irão, e dormimos.

No quarto dia fizemos uma visita guiada em autocarro pela cidade, fomos ao mercado das flores, visitámos uma fábrica de diamantes, o Bairro Judeu, a Igreja de São Nicolau e o Rijskmuseum, até à hora do almoço. De tarde fomos visitar as aldeias piscatórias de Marken e Volendam.

Após o jantar fomos em dois grupos visitar o famoso Bairro Vermelho, porque actualmente é proibida a visita de grandes grupos.

No quinto dia fomos até Colónia. Vimos a catedral, fizemos um cruzeiro no rio Reno, almoçámos a típica salsicha alemã acompanhada de arroz de açafrão, e dirigimo-nos para Frankfurt, onde dormimos.

No sexto dia de viagem visitámos a cidade, os bares, as ruas tão típicas onde se encontram estes bares, e o centro que estão a reconstruir com arquitectura de como seria antes da II Grande Guerra. A Catedral Imperial de São Bartolomeu, onde eram coroados os imperadores do Sacro Império Romano-Germânico, foi outro dos monumentos visitados.

Após o almoço continuámos para o Luxemburgo, onde ficámos num excelente hotel num local lindo e sossegado, junto a um campo de golfe muito bem cuidado.

No último dia de manhã visitámos a cidade de Luxemburgo, a catedral, a Praça de Armas, a Praça da Constituição, a Corniche, entre outros, visita esta que durou até à hora do almoço. No fim deste e com pena nossa, fomos para o aeroporto para o regresso ao nosso Portugal.

Foram sete dias de bom convívio entre todos, alguns já conhecidos, outros que ficámos a conhecer e com vontade de rever proximamente, sete dias de tempo excelente que não poderiam ser melhores para o que tivemos de ver e andar, cinco hotéis de óptima qualidade, que apesar de longe dos centros das cidades nos serviram muitíssimo bem, e guias locais com bons conhecimentos, que nos descreveram os locais e a sua história de forma explícita.

Um obrigado ao colega António Cardoso, que, apesar de ser um participante como nós, tinha sempre o cuidado de ver se estava tudo bem, ao nosso agrado e se estávamos todos na hora de partir para outro local.

Grande abraço e até breve.

Por Ricardo Rebelo, 4-08-2018




Politica de Privacidade Secretaria Biblioteca Contactos